Policiais civis de Camaçari aderem à paralisação da categoria iniciada nesta segunda

Os policiais civis da 18ª Delegacia Territorial de Camaçari aderiram à paralisação da categoria iniciada nesta segunda-feira (18), em toda a Bahia. Serão 72 horas sem atendimento ao público. A suspensão, que começou às 8h da manhã desta segunda-feira (18), segue até a manhã de quinta-feira (21), em todo o estado.

 
Segundo informações de agentes da unidade policial, toda a equipe está trabalhando, mas realiza, somente, serviços internos, além de flagrantes apresentados pela Polícia Militar e levantamento cadavérico.

 
A decisão foi tomada em assembleia, realizada no fim de julho. A paralisação é em protesto aos crescentes casos de homicídios contra policiais registrados no Estado nos últimos meses; falta de estrutura nas unidades de polícia; o fosso salarial entre as carreiras da Polícia Civil e o atraso na publicação do Decreto que regulamente as promoções da classe II para I.

 
Este ano, foram registrados na Bahia vários casos de policiais mortos. De janeiro a julho já morreram dezessete, sendo três civis. A publicação do decreto que regulamenta as promoções é outra questão reivindicada pelos servidores. O governo ficou de publicar em abril e até agora nada.

Redação Nossa Metrópole.

comfiaço