Jihadistas fazem criança reencenar decapitação de jornalista americano com boneca

Extremistas do Estado Islâmico fizeram uma criança posar para fotos enquanto reencenava com uma boneca a decapitação do jornalista americano, James Foley.

De acordo com o site britânico Mirror, as imagens foram postadas em uma conta do Twitter chamada Time Of The Caliphate (Tempo do Califado, em tradução livre), que pertence a um partidário do Estado Islâmico.

-Publicidade-
-Publicidade-
Criança reencena morte do jornalista James Foley Reprodução mirror.co.uk
Criança reencena morte do jornalista James Foley Reprodução mirror.co.uk

O garoto tem o rosto coberto por uma máscara preta e usa uma boneca loira vestida de laranja para recriar a morte brutal de Foley. A criança segura uma grande faca e posa em frente à bandeira preta da jihad, que se tornou o símbolo do Estado Islâmico.

Com as imagens, foi postada a mensagem “Ensinem suas crianças a cortar pescoços, amanhã haverá muitas cabeças podres”. Imagens fortes do vídeo da decapitação de James Foley também foram postadas na conta do Twitter.

Relatos dizem que crianças de até 13 anos foram recrutadas pelo Estado Islâmico na Síria e no Iraque para se tornarem terroristas.

Fonte: R7