Paciente encontrado vivo em necrotério apresenta melhora

Valdelúcio de Oliveira, 54 anos, declarado morto pelos médicos e encontrado vivo pelo irmão no necrotério do Hospital Menandro de Farias, no último sábado, está com o quadro clínico melhor. Já foi iniciado o processo de retirada da ventilação mecânica, de acordo com a assessoria das Obras Sociais Irmã Dulce.

Valdelúcio agora já respira sem ajuda de ventilação mecânica (Foto: Arquivo Pessoal)
Valdelúcio agora já respira sem ajuda de ventilação mecânica
(Foto: Arquivo Pessoal)

O paciente ainda está na enfermaria do setor de oncologia do Hospital Santo Antônio, para onde foi transferido na última segunda-feira.

A tia de Valdelúcio, Áurea Gonçalves, disse que ele está cada vez melhor. “Ele está muito bem e eu acredito que já na semana que vem ele vai começar a fazer o tratamento de radioterapia e quimioterapia”, afirmou.

Valdelúcio sofre com um câncer na língua há seis meses. No último sábado, ele passou mal e foi levado para o Menandro de Farias, em Lauro de Freitas, onde foi declarado morto, após passar o dia inteiro na unidade de saúde. Cerca de duas horas depois que foi atestado o óbito, o irmão dele foi ao necrotério deixar roupas para o sepultamento e o encontrou respirando, apesar de  estar com algodão no nariz, ouvidos e na traqueia — único canal por onde ele podia respirar.

Para a família foi um milagre da freira baiana. Uma sindicância foi aberta pela Secretaria Estadual de Saúde (Sesab) para apurar o caso. A  Sesab informou que não há novidades na apuração.

Fonte: Correio 24 Horas