Filho da ex-prefeita Rilza Valentim é indiciado por homicídio doloso

O estudante de Engenharia de Produção da Unifacs e filho da ex-prefeita de São Francisco do Conde Rilza Valentim, morta em julho, Rodrigo Valentim Pena, 22 anos, foi indiciado pela Polícia Civil pelo crime de homicídio doloso qualificado.

Rodrigo Valentim Pena.
Rodrigo Valentim Pena.

Em 25 de maio deste ano, ele atropelou e matou Cleonice Barreto de Souza, 67, na Avenida Paulo VI, na Pituba. Rodrigo dirigia um Hyundai i30 e fugiu sem socorrer a vítima.

Segundo o advogado da família de Cleonice, Daniel Keller, a decisão do delegado Marcelo Sansão, do Departamento de Homicídio e Proteção à Pessoa, foi baseada no laudo do Departamento de Polícia Técnica (DPT), que apontou que Rodrigo vinha em alta velocidade e na contramão.

Cleonice morreu atropelada na Pituba. (Foto: Itapetinga Agora)
Cleonice morreu atropelada na Pituba.
(Foto: Itapetinga Agora)

A qualificadora foi a impossibilidade de defesa da vítima. De acordo com o advogado, o delegado tomou a decisão há duas semanas e remeteu o inquérito para o Ministério Público Estadual. O DPT não enviou o resultado do exame de alcoolemia.

O advogado de Rodrigo, Sebastian Albuquerque, criticou a decisão do delegado. “Doloso sem laudo, é estranho. Conclusão sem prova”. O inquérito, que agora virou processo, está com a promotora Armênia Cristina. Ela solicitou ao DPT o laudo pendente.

Rodrigo responde em liberdade. Ele teve carteira de motorista suspensa e o passaporte foi retido. O acusado foi preso em flagrante, onde mora, no Condomínio Mansão Aristides Novis Filho, no bairro do Itaigara.

Fonte: Correio 24 Horas

comfiaço