Fiscais no INEMA visitam aterro sanitário de Camaçari em fiscalização surpresa

Nesta terça-feira (23), os fiscais do Inema (Instituto do Meio Ambiente e Recursos Hídricos), Lucas Sampaio e Daniel Ramalho, visitaram o aterro sanitário de Camaçari após receberem denúncia anônima sobre descartes irregulares no entorno do mesmo. A visita foi acompanhada pelo engenheiro civil e coordenador-técnico da Limpec, Félix Filho, e pelo engenheiro ambiental e responsável técnico do aterro, Valdir Rios.

Após fiscalizarem a célula em operação, a unidade de incineração, o sistema de drenagem do chorume, o EcoPonto e a área destinada para ampliação do aterro com a construção da quarta célula, os fiscais chegaram à conclusão de que não havia nenhuma inconformidade e nem encontraram nenhum descarte irregular.

“Com base no que vimos, o aterro está em perfeitas condições de operação. Já existe um processo no Inema para alteração da licença com vistas a ampliação no mesmo e que deve ser finalizado o quanto antes, pois atestamos a urgência da construção da quarta célula”, afirmou Lucas Sampaio.

De acordo com Félix Filho, “mesmo diante da exiguidade de tempo o prefeito Ademar tem dado toda a atenção para o aterro ser gerido dentro das conformidades, o que nos possibilita receber visitas de técnicos a qualquer momento e sem a preocupação de serem encontradas qualquer inconformidade. Temos trabalhado da melhor forma possível”.

Ausente durante a visita devido a agenda externa, o diretor-presidente da Limpec, Alfredo Andrade, destaca que, “uma das minhas maiores preocupações à frente da Limpec é a manutenção do aterro sanitário onde recebemos diariamente 700 toneladas de resíduos, inclusive do Polo Industrial. É muito bom recebermos fiscalizações surpresas e não termos nada o que temer e ouvir que estamos operando satisfatoriamente bem”.

Fonte: Ascom