Sindicato denuncia leitos sem uso no Roberto Santos

Mais de 50 leitos estariam bloqueados por falta de enfermeiros no Hospital Geral Roberto Santos (HGRS), de acordo com denúncia feita pelo Sindicato dos Médicos da Bahia (Sindimed-BA), na última segunda-feira (12). Ainda segundo a denúncia, quatro leitos da Unidade de Tratamento Intensivo (UTI) não são usados há mais de um ano pelo mesmo motivo.

Na publicação, o Sindicato informou ainda, que em fevereiro de 2014, o Sindimed denunciou à Secretaria de Saúde da Bahia (Sesab) e ao Ministério Público a situação. “Os mais prejudicados são os pacientes que têm o direito a assistência a saúde sonegado. Os profissionais de saúde, principalmente o médico, também sofrem as consequências, sendo muitas vezes responsabilizados pelo atendimento precário”.

-Publicidade-
-Publicidade-

O sindicato aponta a necessidade de realizar concurso público para o setor ainda em 2015, para tentar solucionar o problema.

Fonte: Bocão News