“Eu que criei o Arrocha há 15 anos”, dispara Pablo em entrevista

Sucesso nacional após a música “Homem Não Chora” ter “explodido” nas rádios de todo o Brasil, o cantor Pablo destacou em entrevista ao site “Terra” que foi o criador do arrocha, na época em que o ritmo era chamado de seresta.

“O arrocha veio da Bahia. Eu que criei o gênero há 15 anos, quando eu falava arrocha para os casais dançarem agarradinho na antiga seresta. Então, o pessoal não falava mais que ia pra seresta e sim pro arrocha. O arrocha é genuinamente um ritmo baiano”, disse.

Além disso, ele se negou estar recebendo mais pressão após ter virado notícia em todo o Brasil.

pablo-479x320
Fotos: Fred Pontes / Divulgação

“Eu continuo fazendo meu trabalho, levando minha música para os quatro cantos do mundo. O Carnaval já faço há três anos. O público cobra bastante, mas é muito gostoso. Levar o arrocha na avenida, e ter milhões de pessoas te seguindo…”, contou.

Pablo ainda comentou a palavra “sofrência”, sempre lembrada em suas músicas pelos fãs e jornalistas: “A sofrência é uma expressão do povo. Muito divertida, por sinal! Pra mim, sofrer pode ser de vários modos, por uma música que te faça lembrar de alguém, uma saudade, uma briga, um término, uma traição…”.

Fonte: Varela Notícias