Dias D’Ávila rejeita proposta de novos limites entre municípios

Lutar pelo seus direitos. Este é o dever de cada cidadão e de cada município também. A dissolução ou criação de municípios sempre gera polêmica no que se refere aos Limites Territoriais. Com o objetivo de atualizar os limites da Região Metropolitana de Salvador (RMS), o Governo do Estado da Bahia, através da Superintendência de Estudos Econômicos e Sociais da Bahia (SEI) e da Assembleia Legislativa da Bahia (ALBA), vem realizando desde novembro do ano passado, encontros e estudos técnicos em 12 áreas de conflitos territoriais da RMS. E na manhã da última quarta-feira (04), aconteceu a apresentação dos resultados preliminares das Equipes Técnicas da SEI, no Auditório da Secretaria de Planejamento da Bahia (SEPLAN), em Salvador.

01 03

A apresentação dos resultados foi feita pelo Diretor de Informações Geoambientais da SEI, Cláudio Pelosi. Na ocasião, Pelosi mostrou os mapas confeccionados pelas Equipes Técnicas, que realizaram as atividades de campo nas dez cidades que compõem o Território Metropolitano de Salvador (Camaçari, Candeias, Dias d’Ávila, Itaparica, Lauro de Freitas, Madre de Deus, Salinas das Margaridas, Salvador, Simões Filho e Vera Cruz).

Em relação a Dias D’Ávila, os limites apontados pela Equipe Técnica da SEI não agradaram a Prefeita Jussara Márcia, o Vice-Prefeito, Geraldo Requião, o Presidente da Câmara Municipal, Vereador Dr. Zé Carlos e os secretários Justino Francisco (Governo) e Jerônimo Couto (Desenvolvimento Econômico, que se fizeram presentes no evento.

Inconformada com os resultados dos estudos de campo feitos pelos técnicos do IBGE e da SEI, a Prefeita Jussara Márcia garantiu que vai buscar, através do diálogo com o Prefeito de Camaçari, Ademar Delgado, um consenso sobre os trechos mais polêmicos requeridos por Dias D’Ávila.

Fonte: Ascom / PMDD