Soldado da PM que socorreu recém-nascido abandonado em Camaçari quer adotar o bebê

Após o momento de surpresa ao socorrer um recém-nascido abandonado no município de Camaçari, na região metropolitana de Salvador, o policial militar Franklin Dias tomou uma decisão importante: quer adotar o bebê. A mulher Kelly Veloso Dias afirmou que apoia a decisão do marido. “Já está no nosso coração, não só na nossa mente, mas no nosso coração. Nós entregamos a Deus, se Deus quiser que aconteça, nós o adotaremos”, disse.

Policial militar Franklin Dias
Policial militar Franklin Dias

O bebê foi abandonado ainda com o cordão umbilical e dentro de um saco enrolado em uma toalha, na manhã da última quinta-feira (4). O caso ocorreu na Rua Maceió, bairro Phoc II e um vídeo flagrou o momento em que uma mulher deixou o recém-nascido no local.

-Publicidade-
-Publicidade-

O aposentado Braz Evangelista dos Santos foi o primeiro a ver o bebê abandonado em frente a uma residência. Ele contou que chamou a dona da casa para vigiar a criança enquanto chamava socorro.

Edvalmira Santos revelou que, no início, pensou que se tratava de um filhote de cachorro. “As pessoas têm o costume de colocar cachorro, gato no saco. Quando rasguei o saco foi uma criança, um bebê”, relatou.

O soldado Dias disse que estava próximo ao local quando recebeu o chamado do idoso. Quando chegou ao endereço encontrou a criança nos braços da mulher. O policial abraçou o bebê a caminho do hospital na tentativa de aquecê-lo para que pudesse chegar com vida na unidade hospitalar. “Acredito que poucos minutos, poucas horas de nascido a criança tinha ainda. Ela estava meio que roxinha e com muito frio”, comentou o soldado.

O PM voltou ao hospital para ver o bebê e disse que o menino está bem e estável. “Muito grato estou a Deus pela vida da criança”, finalizou.

Fonte: R7