Suspeito de crime contra publicitário diz estar arrependido

Foi apresentado na tarde desta quarta-feira, 22, o segundo suspeito de participar do assalto que resultou na morte do publicitário Bau Menezes Bag, 29 anos, na Rua do Sangradouro, no Santo Agostinho. Lucas Santos do Nascimento, 21, chorando muito, declarou-se arrependido por ter participado do crime.

“Não era para ter acontecido esse fato. Peço perdão à família dele. Vou pagar pelo meu erro e continuar minha vida. Entrego a Deus”, disse Lucas, ao ser apresentado na sede do Departamento de Homicídio e Proteção à Pessoa (DHPP), na Pituba.

-Publicidade-
-Publicidade-
Lucas Santos Nascimento, 21 anos, foi encontrado na casa de um tio em Mutuípe
Lucas Santos Nascimento, 21 anos, foi encontrado na casa de um tio em Mutuípe

Lucas foi autuado por latrocínio, roubo seguido de morte, embora não tenha levado nenhum pertence da vítima, segundo o delegado Marcelo Sansão. Sem passagens pela polícia, ele foi encaminhado ao presídio.

O suspeito foi detido na manhã da terça-feira, 21, na casa de um tio, em Mutuípe, a 245 km de Salvador. Conforme o delegado Marcelo Sansão, coordenador da 1ª Delegacia de Homicídios (DH/ Atlântico), Lucas chegou à cidade no dia 10, um dia depois de participar da tentativa de assalto, que resultou na morte de Bau.

Ainda segundo Sansão, ele confessou ter participado do crime e afirmou ter convidado o adolescente de 16 anos, que foi apreendido, na segunda-feira, 20, após se apresentar com o pai, na 6ª Delegacia de Brotas.

Lucas negou ter atirado no publicitário e confirmou a versão apresentada pelo adolescente à delegada Claudenice Mayo, titular da Delegacia Para o Adolescente Infrator (DAI). Ele seria o responsável em dirigir o carro da vítima. O menor informou que atirou em Bau, acidentalmente, após ele tentar fugir.

O delegado falou ainda que as armas utilizadas no crime ainda não foram apreendidas. “O adolescente disse que as armas são de Lucas. Mas Lucas diz que elas pertencem a outro comparsa que participou da ação”, afirma o delegado, informando que o terceiro suspeito já foi identificado e está sendo procurado.

O homem, que não teve o nome revelado para não prejudicar as investigações, foi o responsável em levar a dupla ao local e indicar a vítima. Segundo Sansão, ele deixou os comparsas e fugiu em um Chevrolet Celta preto de dados ignorados.

Fonte: A Tarde