Rede municipal de ensino de Camaçari participa da campanha contra hanseníase

A Prefeitura iniciou ontem (10/08) as ações da Campanha Nacional de Hanseníase e Geohelmintíase. A ação, executada através da Sesau (Secretaria da Saúde), tem como objetivo buscar estratégias para promover a melhoria do acesso ao diagnóstico precoce e tratamento destas doenças.

1008150453263197

-Publicidade-
-Publicidade-

O público-alvo da campanha são alunos matriculados em escolas públicas, com idades entre 5 e 14 anos. A iniciativa, que segue até a próxima sexta-feira (14/08), percorrerá escolas do Município que aderiram ao PSE (Programa Saúde na Escola) para promover ações integradas de prevenção, promoção e atenção à saúde dos estudantes da rede municipal.

A campanha inclui mobilização e orientações aos professores e alunos, administração do medicamento Albenzadol, nos casos em que houver a autorização dos pais, além de exame de pele ou preenchimento da ficha de autoimagem pelos pais ou responsáveis. Todas as crianças que forem detectadas com manchas de pele serão encaminhadas para avaliação médica.

DOENÇA

A hanseníase é uma doença infectocontagiosa causada pelo bacilo de Hansen, o Mycobacterium leprae, um parasita que ataca a pele e os nervos periféricos, provocando inflamação, manchas na pele e alteração da sensibilidade. A doença é capaz de contaminar outras pessoas pelas vias respiratórias, caso o portador não esteja sendo tratado. O tratamento e a distribuição de remédios são oferecidos gratuitamente pelo SUS.

Fonte: Ascom / PMC