Caminhada marca Movimento Outubro Rosa em Camaçari

Há cinco anos, a aposentada Maria Santos, de 68 anos, moradora do bairro Phoc II, luta contra o câncer de mama. Desde então, ela faz questão de participar de todas as atividades promovidas pela Sesau (Secretaria da Saúde), principalmente durante o movimento Outubro Rosa.

211015011939560468

-Publicidade-
-Publicidade-

Na manhã desta quarta-feira (21/10), ela esteve presente na caminha educativa que percorreu o Centro da cidade e considerada o ponto alto do movimento no Município. “Eu participo, porque acho importante, divertido e uma forma de me manter atualizada. Além disso, é uma maneira de estar engajada e colaborar na conscientização das mulheres quanto ao diagnóstico precoce da doença”, disse a aposentada.

A caminhada foi encerrada na praça Abrantes e na Biblioteca Infantil Monteiro Lobato, a Sesau montou um esquema especial para marcar exame de mamografia. A iniciativa contempla mulheres de 40 a 69 anos, público considerado de maior risco pelo Ministério da Saúde.

A dona de casa Valdelice Alves, de 59 anos, moradora do Parque Verde II, contou que está há alguns anos sem realizar o exame por descuido e que encontrou na iniciativa da Prefeitura uma oportunidade de fazê-lo. As atividades do Outubro Rosa prosseguem até o final do mês com ações nas UBSs (Unidade Básica de Saúde) e USFs (Unidade de Saúde da Família).

A adesão das mulheres de Camaçari ao movimento foi elogiada pelo secretário da Saúde, Washigton Couto. Ele afirmou que o Outubro Rosa é uma campanha importante, pois colabora para que as mulheres se sintam mais acolhidas e entendam que a doença, se detectada com antecedência, pode ser tratada e curada. A informação também foi compartilhada pela secretária da Mulher, Miriam Bittencourt, pasta parceira nas ações do Outubro Rosa.

Participaram também da caminhada a primeira-dama do Município, Edyla Chagas, e os vereadores Elias Natan (PV) e Oto Maia (PSD).

Fonte: Ascom / PMC