Preso em Itinga suspeito de estuprar e manter ex em cárcere privado

O açougueiro Fábio Silva Santos, 34, foi detido por policiais militares da 81ª CIPM (Itinga), na madrugada de quarta-feira, 21, suspeito de estuprar, agredir e manter em cárcere privado a ex-companheira, uma dona de casa de 43 anos.
A polícia localizou a mulher dentro da casa do suspeito, na localidade conhecida como Mirante do Caic, no bairro de Itinga, em Lauro de Freitas.

650x375_fabio-silva-santos_1574037

-Publicidade-
-Publicidade-

Segundo a delegada Elaine Laranjeira, titular da 27ª Delegacia de Itinga, os policias faziam rondas na região e perceberam uma movimentação estranha na casa. Quando os PMs chegaram, Fábio tentou fugir.

A delegada informou que a vítima foi abordada pelo suspeito, na tarde da segunda-feira (19). Durante o período que permaneceu em seu poder, foi estuprada várias vezes.

Em depoimento, a mulher contou que foi obrigada a manter relação sexual, mesmo menstruada. Ela afirmou que não foi a primeira vez que foi abusada pelo ex-namorado, com quem manteve uma relação de três meses. Ela tinha várias escoriações pelo corpo e foi encaminhada para exame de corpo de delito.

‘Ainda estamos juntos’
A dona de casa revelou que Fábio a agrediu porque não aceita o fim do relacionamento. Ele nega a acusação e afirma que eles ainda estão juntos. “Não a estuprei, não. Se nós ainda estamos juntos… Não sei porque ela fez isso, vamos fazer agora nove anos juntos”, avaliou o açougueiro, declarando que eles se gostam muito.

De acordo com Fábio, a moça é alcoólatra e costuma ficar perambulando pela rua. Segundo ele, na segunda-feira, ela passou o dia bebendo e, quando chegou o fim da tarde, foi para sua casa e pediu para entrar e dormir. Eles não moram na mesma residência. Fábio, que já possui passagem por roubo a coletivo, foi autuado por estupro e cárcere privado.

Fonte: A Tarde