Porto de Aratu volta a funcionar plenamente

Em assembleia realizada na última quarta-feira (28), na sede do Sindicato dos Portuários de Candeias, (SPC) ficou decidido o fim da operação padrão, após a negociação ser finalizada com o sindicato patronal. Ficou acordado que o reajuste salarial será de 7,68% nas diárias e produção, retroativo a 01 de Março. O ticket refeição ficará com o valor de R$ 21,00, com ganho real de 8,25%. A diária do guindasteiro passa a ser R$ 120, com ganho real de 25%. Já o operador de pá carregadeira do rechego terá diária de R$142,73, também com ganho real de 25%. Os fundos sociais e de valorização tiveram o percentual de reajuste fixado em 7,68%, informa Luiz Borba, presidente do SPC.

Porto_de_Aratu1

-Publicidade-
-Publicidade-

O movimento de carga e descarga do Porto de Aratu caiu em 50% desde o dia 24, pois uma assembleia geral realizada semana passada deliberou pela operação padrão.

A data-base é no dia primeiro de Março. O sindicato patronal ainda não tinha dado o reajuste salarial que deveria ser concedido na data-base. Foram quase 300 dias de salários defasados. Portanto, ocorreu a operação padrão.

Fonte: Teia Comunicação