Brasileiros vão gastar menos no Natal deste ano, diz pesquisa

Quem tem o hábito de presentear amigos e familiares no Natal, dessa vez vai precisar ser mais modesto nas compras de final de ano. Uma pesquisa realizada em todas as capitais do Brasil, pelo Serviço de Proteção ao Crédito (SPC Brasil) e pela Confederação Nacional dos Dirigentes Lojistas (CNDL), revelou que 137 milhões de brasileiros vão gastar, em média, R$ 100, enquanto em 2014 essa quantia correspondia a R$ 130. O estudo ainda mostra que pessoas das classes C, D e E devem consumir cerca de R$ 97.

unnamed (1)

-Publicidade-
-Publicidade-

O tributarista baiano explica que o país está vivendo um momento delicado de crise econômica e, consequentemente, está afetando empresários e o bolso do consumidor. “Outro ponto que não se deve esquecer é a alta do dólar em 2015, que atingiu o patamar de quase R$ 4 reais. Por causa desses fatores, ocorre a inflação e o aumento dos preços”.

Especialmente no Natal, o tributarista conta que os produtos importados são os mais caros devido aos encargos fiscais. Roupas, perfumes, eletrônicos e brinquedos importados são os preferidos no gosto popular brasileiro. Isso tudo sem falar nos alimentos que compõem a ceia natalina. “Vinho, bacalhau, azeites, frutas e demais importações estão na lista dos itens mais caros”, comenta.

A dica do especialista é substituir os itens por produtos nacionais e fazer uma pesquisa de mercado. “Com a inflação dos preços, a alternativa é ir a campo, em lojas diferentes, e ver o preço mais em conta. Diminuir a quantidade de itens e presentes ou experimentar marcas mais baratas também podem ajudar a economizar”, conclui.

Fonte: Lume Comunicação