Limpec e Receita Federal vão incinerar 250Kg de mercadorias apreendidas

A Limpec e a Receita Federal irão incinerar 250kg de mercadorias apreendidas pela Receita Federal compostas em sua maioria por produtos contrafeitos (falsificados ou produzidos sem a autorização do detentor da marca), bolsas e carteiras de marcas famosas (Louis Vuitton, Chanel, Fendi, Valentino, etc). Assim como calçados, memórias (micro-chips), camisas de malha e kits de boneca de borracha, trazidos de forma irregular, os quais foram apreendidos no Aeroporto Luiz Eduardo Magalhães pela Receita Federal. A incineração acontecerá às 10h, desta quarta-feira (2), no Aterro Sanitário de Camaçari. Estarão presentes na operação agentes e delegados da Receita Federal.

Imagem ilustrativa
Imagem ilustrativa

Esta é a segunda vez que a Receita Federal realiza a queima de mercadorias apreendidas no Aeroporto Luiz Eduardo Magalhães. A outra operação ocorreu em junho de 2014 quando foram incineradas aproximados 500kg de mercadorias. A Polícia Federal também realizou uma megaoperação de incineração no aterro sanitário em 2014, quando foram incineradas aproximadas duas toneladas de drogas e entorpecentes.

-Publicidade-
-Publicidade-

O aterro sanitário da Limpec possui um incinerador com capacidade de queima de 125kg por hora e num processo de lavagem de gases e filtros que eliminam a emissão de qualquer poluente na atmosfera.

Fernanda Melo / Com informações da Ascom Limpec