Famosos ficaram ‘tristes’ com o bloqueio do WhatsApp

Assim como todos os “mortais”, os famosos também ficaram tristes com a decisão 1ª Vara Criminal de São Bernardo do Campo, que impôs o bloqueio do aplicativo WhatsApp por 48 horas em todo o país.

 

Muitos usaram as redes sociais na madrugada desta quinta-feira, 17, para se expressar sobre o assunto. “O WhatsApp de todo mundo parou ou só o meu?”, perguntou a atriz mirim Klara Castanho, que foi pega de surpresa e não sabia a motivação da “falta de sinal”.

Assim como Klara, Malvino Salvador também não sabia o que estava acontecendo com o aplicativo. “Neste país, as decisões são tomadas de maneira arbitrária, colocando em último plano o direito do indivíduo. Por que cargas d’água o WhatsApp foi bloqueado? Todos gostariam de saber! Qual o motivo? Alguém pode explicar?”.

Já a cantora e atriz Manu Gavassi comentou que está conseguindo sobreviver sem o “zap-zap”. “Vou confessar que tô bem melhor sem WhatsApp. Não tô entendendo esse escândalo. Quem quer falar com você te liga, ué”, disse Manu.

Política
Enquanto alguns reclamaram da falta do aplicativo, outros aproveitaram para protestar contra situação política do país. Foi o caso de Gusttavo Lima, que se casou com Andressa Suita nesta terça-feira, 15.

650x375_gusttavo-lima_1593081

“Por que não param a corrupção por 48 horas? Por que não utilizam a verba pública na saúde e na educação por 48 horas? Por que não prendem esses políticos corruptos por pelo menos 48 trilhões de anos? Pra mim político é tudo farinha do mesmo saco. Que democracia é essa? Estamos em uma ditadura disfarçada. Estamos acomodados e isso não vai parar enquanto não tomarmos uma atitude, e as atitudes vocês já sabem quais são”, disse o cantor.

A atriz Fernanda Paes Leme ironizou e citou o presidente da Câmara dos Deputados no Twitter. “Brasil, o país que quebra até o WhatsApp. Derrubar o (Eduardo) Cunha que é bom ninguém derruba”.

Fonte: A Tarde