Pelourinho apresenta personagens vivos até fevereiro de 2016

Durante todo este mês de dezembro e até fevereiro de 2016, os turistas que visitarem o Pelourinho vão se deparar com personagens vivos, num espetáculo aberto em forma de cortejo pelas ruas do Centro Histórico.

RTEmagicC_Festival_de_Cultura_e_Arte_-_Cruz_Caida_txdam294193_d7c6ba.jpg

-Publicidade-
-Publicidade-

Assim, quando Zumbi dos Palmares, acompanhado de seus tambores, dá as boas-vindas aos turistas que chegam à Roma Negra, Salvador, dá-se início a um passeio partindo da Praça Municipal, seguindo para a Praça da Cruz Caída, onde Carmem Miranda e Dorival Caymmi fazem uma pequena performance com a música “O que é que a baiana tem” e unem-se ao grupo.

Na Praça da Sé, Castro Alves ganha vida, declama um poema, adentrando o movimento e seguindo o caminho. No Terreiro de Jesus. Tieta dá o ar da sua graça, conta sua história e passa a integrar a turma, indo ao encontro de Raul Seixas em uma das ruas do Pelourinho. Cantando trechos de suas músicas, Raul conduz a comitiva até a bela Gabriela cor de cravo e canela.

Jorge, o Amado, em frente à sua casa – a Fundação Jorge Amado – é anunciado pelo cortejo, convida Dona Flor e seus dois maridos, onde seguem todos ao encontro de Michael Jackson na Ladeira do Pelourinho, ao som da percussão com músicas do Olodum.

Todos os personagens, juntos, encerram a ação em uma grande festa musical. Toda ação é registrada por um fotógrafo e disponibilizada, posteriormente, no flickr da Prefeitura. Para facilitar a compreensão, instruir e orientar os turistas, um guia vai estar à disposição, acompanhando todo o trajeto.

Fonte: Ibahia