Em menos de uma semana , três radialistas de Camaçari têm veículo roubado na região

Os crescentes casos de violência registrados em Salvador e região metropolitana, a exemplo dos roubos de veículos, têm assustado a população. Na região, na última quarta-feira (27), foram divulgados no boletim diário no site da Secretaria de Segurança Pública do Estado (SSP-BA), 21 casos. Em Camaçari, somente nesta semana, três radialistas da região tiveram seus veículos levados por bandidos em rodovias e dentro do município.

No início da tarde da última terça-feira (26), um cinegrafista estava transitando pela Canal de Tráfego (BA-524), quando foi abordado por dois bandidos que levaram seu veículo com todos os documentos e equipamentos de trabalho. Nesta manhã de sexta-feira (29), a vítima consultou a situação do veículo no aplicativo do Sinesp que, teoricamente, permite ao cidadão consultar a situação de roubo ou furto de qualquer veículo do Brasil. Mas constatou que o carro encontrava-se ainda em situação regular. Ou seja, caso o veículo roubado seja parado em uma blitz policial, não será recolhido. “Isto significa que os marginais podem ir para onde eles quiserem, pois o meu carro está ainda em situação legal. Para quê, então, registrar um Boletim de Ocorrência?”, indagou a vítima. “Tenho uma sensação de impotência e medo”, completou.

-Publicidade-
-Publicidade-
12654352_1036649419730097_6122809222577071480_n
Veículo roubado na Canal de Tráfego
12592664_1036649393063433_7221204854389143813_n
Situação do veículo ainda na manhã desta sexta-feira, no Sinesp

Já nesta quinta-feira (28), por volta das 19h, um radialista, quando transitava pela BA-512, rodovia que dá acesso ao campus da Uneb, foi abordado por um marginal armado. O bandido deu voz de assalto e ordenou que ele, esposa e amiga descessem do veículo. No carro, também estava um pastor evangélico que não conseguiu abrir a porta do automóvel porque estava travada. Nervoso, o assaltante quebrou a maçaneta e colocou a arma na cabeça do pastor, que conseguiu sair do veículo. Segundo informações do radialista, o bandido acabou abandonando o automóvel poucos metros após por perceber que o mesmo estava plotado com a logo da rádio. Ainda de acordo com a vítima, o assaltante entrou no outro veículo dos comparsas que o aguardavam na rodovia. Da vítima, só foram levados um celular, uma quantia em dinheiro e a chave do carro. O bandido tentou levar o DVD do veículo, mas não conseguiu.

Outro caso também foi registrado na noite de ontem. Um cinegrafista teve seu veículo roubado na Rua José Nunes de Matos, mais conhecida como a Rua do Sac, por volta das 20h30. O caso foi registrado na delegacia de Camaçari.

Fernanda Melo / Redação Nossa Metrópole