Ford reabre nesta segunda-feira novo prazo para adesão ao PDV

A montadora Ford de Camaçari reabre nesta segunda-feira (01/02), o Programa de Demissão Voluntária (PDV). A adesão segue até sexta-feira (5).

phpThumb_generated_thumbnail

-Publicidade-
-Publicidade-

Desde novembro, quando a empresa anunciou o fim da produção no turno da noite, é a segunda vez que o PDV é colocado à disposição dos trabalhadores da unidade baiana. Na primeira vez, o PDV ficou à disposição entre os dias 4 e 15 de janeiro, mas a procura foi baixa. A Ford diz que não há uma meta para a adesão de trabalhadores, mas afirma que, no primeiro período, a adesão ficou “muito aquém do esperado”. Ao abrir um novo período, a montadora busca atrair a adesão de mais empregados. A intenção é adequar o número de trabalhadores à nova realidade da fábrica, que não terá mais o turno da noite a partir de março. Segundo informações, o fim da produção no terceiro turno deve afetar dois mil trabalhadores.

20160201070925

O Sindicato dos Metalúrgicos de Camaçari continua negociando com a montadora outras medidas alternativas às demissões. Na próxima segunda-feira (08/02), por exemplo, os trabalhadores das fábricas de carros e de motores da empresa entram em férias coletivas, com o objetivo de ajustar a produção à demanda do mercado. O descanso segue até o dia 26 de fevereiro. Outra alternativa seria a instituição do lay-off (suspensão dos contratos de trabalho), em que a empresa só arcaria com o pagamento de 30% dos salários, sendo o restante integralizado pelo Fundo de Amparo ao Trabalhador (FAT).

A montadora de Camaçari possui, atualmente, mais de 4.700 funcionários. A empresa não informa qual é o seu excedente da mão de obra.

Fernanda Melo / Redação Nossa Metrópole