Ex-funcionários do Hospital Espanhol protestam na Barra

Os ex-funcionários do Hospital Espanhol realizam um protesto, na manhã desta quinta-feira, 18, na Barra. Eles saíram do Cristo em direção ao hospital. De acordo com a presidente do Sindicato de Enfermeiros da Bahia, Lúcia Duque, o grupo pede o pagamento da dívida trabalhista e reabertura da instituição de saúde.

Cerca de 2.500 trabalhadores perderam seus empregos com o fechamento do hospital em setembro de 2014. Desde então, eles não receberam os direitos trabalhistas, de acordo com Lúcia Duque. “Muitos só trabalharam lá e não são mais absorvidos pelo mercado de trabalho. Alguns também estão impedidos de solicitar a aposentadoria porque o hospital tem uma dívida imensa com o INSS”, explica.

-Publicidade-
-Publicidade-

A Promédica chegou a revelar desejo de comprar o Espanhol, mas o negócio ainda não foi concretizado. Lúcia ressalta a falta que uma unidade do porte do hospital faz: “Precisamos de uma mobilização da sociedade civil porque o hospital tinha vários serviços que todos nós usuários do SUS e de plano de saúde que necessitamos”.

Fonte: A Tarde