“Foi só uma brincadeira”, diz mãe que matou filho de 10 meses em Camaçari.

A dona de casa Aline Alves de Jesus, 28 anos, confessou ter matado o filho de 10 meses, nesta quinta (30), no bairro da Lama Preta, em Camaçari. O crime ocorreu durante uma discussão com o marido.

650x375_aline_1647977

Na delegacia, ela contou que jogou a criança no chão para dar um susto no companheiro. “Fui eu mesma. Foi só uma brincadeira, queria dar um susto nele, queria me vingar. Quando fiz que ia jogar o menino no chão, ele escorregou e bateu a cabeça”, contou a mulher, que afirmou não ter intenção de matar o filho.

Segundo informações, Aline afirmou que as brigas com o marido, identificado apenas como ‘Leite’, eram constantes e que ele gastava todo o dinheiro dela com cachaça. “Tenho que pagar R$ 400 no bar, não sobra nada para comprar as coisas para dentro de casa”, disse ela, chorando. A mulher ainda teria dito que tem problemas psicológicos e que toma remédios controlados.

De acordo com a delegada titular da 18ª Delegacia Territorial de Camaçari, Tais Siqueira, uma vizinha do casal disse que essa não foi à primeira vez que o bebê foi agredido e que já tinha ouvido Aline dizer que ia matá-lo. A mulher foi autuada em flagrante por homicídio qualificado por motivo fútil e pode ter a pena agravada pelo fato de a vítima ser menor de 14 anos.

Redação Nossa Metrópole com informações de A Tarde