Ação Total: Vila de Abrantes recebe serviços de limpeza e manutenção

Dentre as ações que serão realizadas estão: poda de árvores, limpeza urbana, iluminação pública, tapa-buraco, entre outros. Foto: Isaac Coelho

 

O programa Ação Total chegou ao distrito de Vila de Abrantes nesta segunda-feira (15). O encontro para dar partida à iniciativa ocorreu na praça da Igreja Católica, onde também foram iniciados os serviços de zeladoria, que também acontece a partir da entrada da localidade.

Dentre as ações que serão realizadas estão: poda de árvores, limpeza urbana, iluminação pública, tapa-buraco, limpa fossa, limpeza e pintura dos postes, sinalização vertical e horizontal, instalação de abrigos de ônibus, pintura de meio-fio, lavagem de ruas, varrição manual e mecanizada, coleta de resíduos e entulhos, roçagem, capinação, aumento de potência de lâmpadas, colocação e troca de braços de iluminação, substituição de lâmpadas queimadas e colocação de refletores.

O trabalho realizado, para que a ação aconteça, foi ressaltado pelo secretário de Serviços Público, Armando Mansur. “Uma equipe vai antes para a localidade e faz um levantamento das necessidades, para ter um retrato do que precisa ser feito, o que dá mais agilidade ao serviço”. Ele ainda enfatizou que nesta edição a Secretaria de Saúde (Sesau) se uniu à ação para realizar o trabalho de prevenção. Uma equipe do Centro de Controle de Zoonoses (CCZ) está realizando visitas às casas para o combate ao mosquito transmissor da dengue, Zika Vírus e Chikungunya.

Morador do distrito há mais de 25 anos, Joaquim Sena, estava na expectativa para a chegada dos serviços. “Acho essa ação interessante, porque tem realizado algumas melhorias aqui em Vila de Abrantes. É um investimento importante”, afirmou.

A previsão é que o programa Ação Total fique no distrito durante duas ou três semanas, a depender da demanda e das condições climáticas. O próximo local a ser contemplado pela iniciativa será o Parque das Mangabas.

As equipes são formadas pelas secretarias de Infraestrutura (Seinfra), de Serviços Públicos (Sesp) e da Sesau, além da Superintendência de Trânsito e Transporte Público (STT). Estavam presentes autoridades municipais do executivo e do legislativo.

Fonte: Ascom/PMC