“Dor absurda no coração”, fala Naldo Benny após morte de sobrinho em operação policial no Rio

Foto: Reprodução Instagram

O cantor Naldo Benny se pronunciou pela primeira vez após a morte do sobrinho na última segunda-feira (25), durante operação do Comando de Operações Especiais (COE) da Polícia Militar no Complexo da Maré, no Rio de Janeiro.

O artista publicou nas redes sociais um texto e uma foto ao lado do sbrinho Dennis Brito.

-Publicidade-
-Publicidade-

“Fica a saudade, a vontade de que fosse diferente, uma dor absurda no coração!
Eu dificilmente tenho porque pra Deus, hoje me vejo em varios porquês!!! Pq a vida prega algumas peças?? Pq algumas escolhas?? Pq não deu tempo??”, escreveu o canto nesta quarta-feira (27).

 Dennis Brito tinha 23 anos e foi baleado durante confronto na comunidade da Vila dos Pinheiros, na Zona Norte do Rio. Outro homem também foi morto na ação, mas ainda não foi identificado.

Em 2008, Naldo e a família enfrentaram outra tragédia. O irmão, conhecido como Lula, que fazia dupla com ele no funk, foi encontrado carbonizado em Padre Miguel.