Coronavírus: Sindicato dos Metalúrgicos negocia férias coletivas no Complexo Ford

Foto: Sergio Figueiredo

Desde a última segunda-feira (16), funcionários do setor administrativo da Ford Camaçari trabalham em esquema de home office, devido à pandemia de coronavírus (Covid-19). Porém, os 7,5 mil trabalhadores do setor operacional não foram liberados e continuam em atividade na fábrica.

O Sindicato dos Metalúrgicos de Camaçari (STIM) critica a medida e está em negociação com a empresa para afastamento imediato full hd porno izle dos profissionais que se enquadram no grupo de risco: grávidas, pessoas com doenças crônicas e com mais de 60 anos.

Além disso, o STIM pede à Ford a abertura de férias coletivas em todo complexo.

Conforme o presidente do Sindicato, Júlio Bonfim, a negociação também envolve as empresas terceirizadas.