Prefeitura fiscaliza comércios da sede e Costa de Camaçari; ação visa vistoriar o cumprimento dos decretos

A Prefeitura de Camaçari tem adotado inúmeras medidas para combater a disseminação do novo coronavírus no município. Com isso, representantes das secretarias municipais, acompanhados de policiais do 12º Batalhão de Polícia Militar (BPM) de Camaçari, realizaram, na manhã desta sexta-feira (22/5), uma ação para vistoriar o cumprimento dos decretos de combate à propagação da Covid-19, em diversos bairros do município, tanto na sede quanto na costa.

A partir de uma operação integrada, as equipes da Secretaria do Desenvolvimento Urbano e Meio Ambiente (Sedur) e da Superintendência de Trânsito e Transporte (STT), seguiram pelas ruas da cidade, priorizando bairros com maior denúncia sobre funcionamento irregular de estabelecimentos comerciais sem autorização na região.

Publicidade
Publicidade

Responsável pela logística da ação, o diretor-superintendente da Superintendência de Trânsito e Transporte Público (STT), coronel Alfredo Castro, contou que a força tarefa foi montada com base nos dados recebidos pelas secretárias de Saúde e Desenvolvimento Urbano. “Estamos com um relatório de bairros com maior número de casos confirmados com a doença, a exemplo de Vila de Abrantes, estabelecimentos descumprindo os decretos e locais de aglomeração de pessoas em reuniões com som alto; e com base nisso montamos uma estratégia para visitar estas localidades de modo que a legalidade seja estabelecida na cidade”.

Diante da gravidade da propagação do coronavírus, a prefeitura tem intensificado as ações de fiscalização e, além disso, tem reforçado junto à população, a necessidade de manter o distanciamento social para que se evite aglomerações. O superintendente de Ordenamento e Fiscalização da Secretaria do Desenvolvimento Urbano e Meio Ambiente (Sedur), coronel Pedro Cézar Arcanjo, explicou que está seguindo a orientação do prefeito Elinaldo Araujo de conscientizar a população para evitar a propagação do vírus no município. “Estamos desenvolvendo um trabalho integrado e juntos vamos conscientizar a população para evitar a aglomeração, fazer uso da máscara e proibir o som em lugares públicos. Inicialmente, a ação é educativa, mas havendo reincidência a lei estará à disposição para ser aplicada”, enfatizou.

Com-limpeza