Construtora deixa obra do Viaduto do Trabalhador em Camaçari; prefeito diz que nova empresa vai assumir

O prefeito de Camaçari, falou com exclusividade, na noite desta quinta-feira (04), com a redação da Nossa Metrópole, por meio do programa Café com Fabiana Monte.

Na oportunidade, Elinaldo respondeu a várias perguntas relacionadas às ações de combate à Covid-19 e disse que tem investido, prioritariamente, na saúde da população. “Estamos antenados a todas às necessidades da população, mas, prioritariamente, temos direcionado nossos esforços para cuidar da saúde”, disse.

Durante a entrevista, o prefeito disse que também tem trabalhado para cumprir o cronograma de obras divulgado, dentre elas, está a do Viaduto do Trabalhador, que, segundo o prefeito, está paralisada, não por conta do município, mas por dificuldade da empresa vencedora da licitação.  A obra teve ordem de serviço assinada em 23 de outubro de 2019 e deveria ser entregue no meio de 2020. “A empresa Andrade Mendonça não teve braço para seguir com a obra, por isso, estamos chamando a segunda colocada na licitação para dá seguimento. O recurso está garantido. A dificuldade não é nossa e sim da empresa”, disse o prefeito.

A duplicação do Viaduto do Trabalhador conta com o investimento de R$ 13.456.940,75 (treze milhões, quatrocentos e cinquenta e seis mil, novecentos e quarenta reais e setenta e cinco centavos). Recurso garantido via empréstimo junto ao Banco de Desenvolvimento Econômico da América Latina (CAF).

Redação Nossa Metrópole

Clity