Covid-19: superintendente é preso em operação contra desvio de dinheiro público no Rio

O superintendente de Orçamento da Saúde, Carlos Frederico Verçosa Duboc, foi preso em Niterói, no Rio de Janeiro, na terceira etapa da operação Mercadores do Caos, que visa cumprir mandados de prisão preventiva de busca e apreensão de acusados de desviar dinheiro público na compra de respiradores para Covid-19.

Deflagrada no início de maio, a operação é realizada pelo Grupo de Atuação Especializada no Combate à Corrupção (Gaecc), do Ministério Público do Distrito Federal e Territórios (MPDFT) e do Ministério Público do Rio. De acordo com o jornal O Globo, são dois dois mandados de prisão preventiva no Rio de Janeiro, e outros nove mandados de busca e apreensão, sendo quatro no Rio e cinco em Brasília. Todos são expedidos pelo Juízo da 1ª Vara Criminal Especializada da Capital (Rio de Janeiro).

otorrino aniversario

Carlos Frederico foi preso em casa. Ele foi contratado na gestão de Edemar Santos e continuou à frente da pasta com o atual secretário, Fernando Ferry.

Fonte: A Tarde

tramontina