Eleições na Bahia terão mais de 40 mil candidatos este ano

A Bahia já tem 40.825 pedidos de registro de candidatura, conforme balanço no sistema do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) às 20h desta segunda-feira, 28. O número, entretanto, ainda vai crescer, já que, em Salvador, por exemplo, só constam até então 14 candidatos a reeleição.

O prazo para a apresentação de pedidos de registro de candidatura se encerrou na noite do último sábado, 26. Os altos números estaduais reforçam o resultado do país, que bateu o recorde de candidaturas este ano – eram 547.265 solicitações em todo o Brasil, segundo o último balanço.

Na Bahia, dos 40.825 pedidos, eram 1.353 para prefeito, 1.354 para vice e 38.118 para vereador. Proporcionalmente, 67,5% são do gênero masculino e 32,5% do gênero feminino. Do total, 1.487 tentam a reeleição.

Até então, somente 13 pedidos foram deferidos – dez de candidatos e candidatas do PSOL à Câmara de Teixeira de Freitas e dez de candidatos do PT a vereador de Ibirapuã – e um candidato renunciou à disputa. Acássio Teles disputaria uma vaga na Câmara de Uauá pelo PDT.

Em Salvador

Na capital baiana, constam até então 1.604 pedidos de registro de candidatura. São nove para prefeito, nove para vice e 1.586 para vereador, o que indica, pelos números mais atualizados, quase 37 postulantes para uma vaga no Legislativo soteropolitano.

Em relação ao gênero, os números são próximos aos da Bahia: 68,3% masculino e 31,7% feminino.

O alto número de candidaturas já era esperado, em função das novas regras eleitorais. Este será o primeiro pleito municipal após o fim das coligações para as eleições proporcionais, o que significa que os partidos não podem coligar mais para a disputa de cadeiras no Legislativo.

No Brasil, dos 547.265 pedidos, 22.183 são de candidatos a reeleição. Do total de candidaturas, são 66,9% do gênero masculino e 33,1% do feminino.

Fonte: A Tarde