Redução do Auxílio Emergencial para R$ 300 impacta comércio de Camaçari

O Auxílio Emergencial trouxe fôlego para o comércio durante a pandemia da Covid – 19. O benefício foi um grande aliado da economia, tanto que a redução para R$ 300 já mostra impacto negativo nas vendas em Camaçari e em todo o Brasil.

A nível Brasil, os especialistas já indicam as vendas nos supermercados, por exemplo, sofreram uma redução estimada entre 5% e 10%.

-Publicidade-
-Publicidade-

Claro que o percentual depende muito da região do país. Mas, não deixa de ser preocupante, quando comparamos com o movimento de setembro.

Em Camaçari, muitos comerciantes também já começam a sentir o efeito nas vendas. “Percebo uma queda significativa no volume de vendas, acredito que ela esteja aliada sim a redução do auxílio”, diz Ane, do segmento de Ótica.

No ramo de variedades e importatos os comerciantes também avaliam a mudança de cenário. “As pessoas já reclamam até dos preços, que durante o auxílio de R$ 600,00, não pontuavam. As vendas caíram muito”, avalia uma gestora do segmento que prefere não se identificar.

E no segmento de confecções as reclamações continuam. “As pessoas até entram na loja, avaliam, mas não levam”, destaca a vendedora Bianca.

Redação Nossa Metrópole