Rui manifesta preocupação com aglomerações na véspera das eleições

O governador Rui Costa (PT) voltou a manifestar preocupação com a aglomerações observadas no interior o estado durante atos de campanha para as eleições do próximo domingo, 15. Em coletiva na manhã desta segunda, 9, o gestor afirmou que o maior indíce de ocorrências do tipo vem das cidades menores e que isso pode acabar criando uma nova leva de casos da Covid-19 nos municípios.

“Nós temos tido pequenos altos e baixos em vários municípios. Algumas pessoas baixaram a guarda em relação à Covid. Infelizmente eu diria que a paixão, a vibração termina provocando essas aglomerações. Nas cidades maiores até não estamos tendo problemas com isso, mas quanto menor a cidade maior o envolvimento na eleição local”, afirmou. “Não adianta criar uma situação de força do estado que isso não vai resolver. Faltam só alguns dias para a eleição, a gente torce aqui para que não tenha um grande repique”, disse.

Ao falar de Salvador, que apresentou uma alta considerável na procura por leitos da rede privada, o governador garantiu que ainda não há indícios de que isso seja o começo de uma segunda onda mas, assim como o prefeito ACM Neto (DEM), afirmou que é importante ligar o sinal de alerta.

“O que teve de forma substantiva que podemos relatar é que os índices pararam de cair. Mas não há a observação de uma flutuação que mostre um retorno da contaminação. É importante que as pessoas continuem usando máscaras, que é uma unanimidade na prevenção no mundo inteiro, e sigam os protocolos para que esse número de casos não cresça”, disse.

Por Fernando Valverde   – A Tarde