Funcionários da Ford fazem manifestação no CAB

Em mais um dia de luta à espera que a Ford reveja sua decisão de sair do Brasil, os funcionários da montadora protestam na manhã dessa quarta-feira (13) no Centro Administrativo da Bahia (CAB). A ação começou por volta das 9h e, às 9h30, sindicalistas, políticos e representantes de movimentos sociais discursavam em cima de um mini trio elétrico, em defesa dos trabalhadores.

Na frente do trio, milhares de funcionários estavam presentes, a maioria usando a tradicional farda azul da empresa. Todos portavam a máscara, mas por causa da manhã ensolarada, alguns se aglomeravam embaixo dos poucos espaços de sombras existentes no CAB.

“Ontem a Ford já estava convocando trabalhadores para assinarem aviso prévio e eu pedi ao gerente para suspender isso, pois a gente ainda não tinha negociado valores de rescisão. Infelizmente, a situação a cada dia se agrava mais e a Ford segue irredutível”, lamentou em discurso o presidente do Sindicato dos Metalúrgicos de Camaçari, Júlio Bonfim.

Após o discurso, o grupo marchou em direção a Assembleia Legislativa da Bahia (Alba), onde conversaram com o presidente da casa, o deputado estadual Nelson Leal. “Estamos fazendo várias ações de luta em defesa dos trabalhadores”, garantiu Júlio.