TRE condena Elinaldo a pagar R$25 mil reais por promover aglomeração e descumprir regras na campanha eleitoral

O Tribunal Regional Eleitoral (TRE) condenou Elinaldo a pagar multa no valor de R$25 mil reais, por promover aglomeração e descumprir as regras de combate à Covid-19 na campanha eleitoral de 2020.

De acordo com o TRE-BA, o candidato à reeleição, durante a pandemia, realizou a sua campanha descumprindo as determinações sanitárias estaduais e municipais, contrariando a decisão judicial do magistrado da 170ª Zona Eleitoral e a Resolução 39 do TRE/BA, no que vedava a prática de alguns atos de campanha como motoadas, bicicletaços, acompanhamento de pessoas a pé nas carreatas e aglomeração de pessoas.

Durante entrevista a uma rádio local, na manhã desta quarta-feira (24), Elinaldo falou que vai recorrer da decisão.

A condenação também foi aplicada para cada um dos representados nas respectivas ações eleitorais: Democratas – Diretório Municipal Camaçari, Pra Camaçari Seguir Avançando 10-Republicanos / 17-PSL / 20-PSC / 23-Cidadania / 25-DEM / 45-PSDB, Partido Popular Socialista – Comissão Provisória Camaçari, Leonardo De Oliveira Simões, Juraci Cordeiro Da Silva.