Escola de Camaçari é selecionada para Semana Mundial da Educação

A Escola Municipal do Gravatá de Camaçari está entre as cinco a representar o Brasil e a Bahia na Semana Mundial da Educação 2021, que tem o tema Comemoração Escolar. Essa é a primeira vez que escolas públicas participam da iniciativa e o projeto selecionado foi Meu Mundo Brincante em Casa, com apresentação na próxima terça-feira (5/10).

Com a pandemia, a unidade escolar passou a utilizar o recurso do brincar para garantir a aprendizagem dos alunos. A iniciativa Meu Mundo Brincante em Casa busca promover interações e brincadeiras no ambiente familiar condizentes com o desenvolvimento das crianças, além de propiciar momentos de diálogo com escuta sensível para fortalecer os vínculos afetivos e incentivar a participação das famílias no processo de ensino e aprendizagem.

O projeto foi inscrito no subtema Parceria e Colaboração com a comunidade – incluindo envolvimento dos pais e trabalho com empregadores. O formato da apresentação será painel de discussão com o tema ‘O Brincar e o Celebrar das Aprendizagens na Infância’ e contará com a mediação da coordenadora pedagógica da unidade escolar, Carla Emília Fiais Cordeiro, e mais duas palestrantes, Girlene dos Santos Crelick e Hosana Gonçalves. Para assistir ao painel é necessário fazer uma inscrição prévia, no mesmo link de exibição, até o dia do evento.

A Semana Mundial da Educação é um festival virtual, que ocorre entre os dias 3 e 8 de outubro, e é uma iniciativa da organização global T4 Education, com apoio da Fundação Lemann, The LEGO Foundation e Templeton World Charity Foundation.

O tema deste ano será Celebração Escolar – Um esforço mundial para reconhecer os avanços positivos que as escolas e os sistemas de educação tem feito enquanto experimentam desafios ao longo da pandemia. O objetivo é celebrar escolas ao redor do mundo que desenvolveram grande expertise que outros professores e escolas podem emular.

A Semana Mundial da Educação é uma oportunidade para trocar experiências bem-sucedidas na educação, entre escolas e organizações que estão inovando e criando impacto no mundo. Os projetos e resultados serão apresentados por 100 escolas e 20 organizações de educação, as cidades que também tiveram projetos escolhidos no Brasil foram Curitiba (PR), Paulista (PE), Piacatuba (MG) e Novo Hamburgo (RS), e fazem parte da Conectando Saberes, rede nacional de professoras e professores.