Sesau alerta para superlotação de leitos devido demora da Regulação Estadual

A Secretaria da Saúde (Sesau) de Camaçari informa que, até esta sexta-feira (12/11), há na tela da Regulação Estadual, 41 pacientes internados nas UPAs e PAs da sede e costa aguardando uma transferência para um hospital de referência. Há pacientes internados há 10 dias quando deveriam ficar até 24h e serem transferidos. A pasta informa que este cenário é resultante da demora da Central de Regulação do Estado que precisa proceder com a transferência desses pacientes, que não estão com a Covid.

Diretora de Atenção à Saúde da Sesau, Elaine Teixeira alertou que, “nossas equipes das unidades de urgência e emergência têm trabalhado incansavelmente atualizando as informações desses pacientes na tela de regulação estadual diariamente na tentativa de conseguir uma vaga”.

Elba Brito, diretora de Controle e Avaliação do SUS em Camaçari afirmou que a Regulação Municipal tem mantido contato diário com o Estado na busca de transferir os pacientes. “Infelizmente essa transferência não depende apenas da gente. As pessoas internadas nas nossas unidades precisam ser transferidas para hospitais de referência que são estaduais. Daí o motivo de dependerem da Central de Regulação do Estado para acontecer. Manteremos essa relação diária e cordial com a central estadual na certeza de conseguirmos a transferência o quanto antes”.