ACEC convida empresários para discutir requalificação do Centro Histórico em audiência pública

A Associação Comercial e Empresarial de Camaçari (Acec) e outras entidades representativas do comércio, tem discutido com a Prefeitura Municipal, a requalificação do novo Centro Histórico, uma iniciativa do executivo, cujo o impacto no tráfego de pessoas e de veículos tem sido uma das principais preocupações do comércio local.

A temática será abordada em uma audiência pública prevista para acontecer no auditório da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB), em Camaçari, no próximo dia 7.

A presidente da Acec, Manuelina Ferreira, diz que o projeto precisa ser amplamente discutido com os empresários e sociedade em geral. “Defendo que a conversa, além de ser sempre importante, é o primeiro passo dos bons projetos, por isso, todos nós precisamos participar desse diálogo em prol do melhor para nossa cidade”, defende Manuelina.

Em uma reunião com diretores da ACEC realizada nesta quinta (22), Manuelina falou  sobre a importância de se movimentar toda a sociedade para a audiência. ” A obra vai influenciar diretamente na circulação de pessoas no centro da cidade, portanto, precisamos acompanhar cada passo à fim de contribuir com o desenvolvimento do município”.

A audiência pública foi uma proposta do Sindicato do Comércio Patronal de Camaçari e Região (Sicomércio), instituição presidida por Juranildes Araújo.

De acordo com a Seinfra, inicialmente as intervenções serão concentradas nas três praças do Centro e, ao concluir as obras nesses espaços, os trabalhos irão avançar para as principais vias.

Redação Nossa Metrópole