Feira do Rolo vai virar Feira do Povo; comerciantes aprovam novo projeto

O prefeito Ademar Delgado participou ontem (04/11) da reunião de apresentação da planta da Feira do Povo (antiga feira do rolo), instalada no Centro Comercial. A proposta é da Prefeitura, através da Sesp (Secretaria dos Serviços Públicos) para modernização do espaço, que terá criação de estrutura com 46 novos espaços.

Prefeito Ademar Delgado recebe feirantes para discutir as mudanças. Foto: Divulgação
Prefeito Ademar Delgado recebe feirantes para discutir as mudanças. Foto: Divulgação

O prefeito disse que gostou muito da reunião por ser uma oportunidade de discutir a proposta, dialogando com a comunidade. Ainda falou sobre o trabalho do Governo de fazer mais para que mais precisa. “Esta é uma convicção e tenho visto que mudou a vida de muita gente”, completou.

Como inovação desse governo aconteceu o cadastramento dos comerciantes, cerca de 38 pessoas já receberam o Termo de Permissão do Uso. Estas pessoas estão alocadas inicialmente em um espaço próximo onde serão construídas as futuras instalações, que contará com depósito para os comerciantes. O novo projeto ainda prevê mais vagas de estacionamento, cerca de 30.

O secretário dos Serviços Públicos, Zé de Elísio falou sobre o projeto que foi desenvolvido a partir das visitas à feira e conversas com as pessoas para conhecer o dia a dia. A ideia é melhorar o Centro Comercial para eles e para a sociedade

Jorge Neres, de 53 anos, trabalha na feira há 23 anos e já está no novo espaço. “Agradeço ao prefeito e aos secretários o que acabam de fazer por nós, que foi a inclusão social. Estamos satisfeitos onde estamos e com o cadastro que foi profundo. Essa assinatura vale mais que a identidade”, falou o comerciante entusiasmado com o documento em mãos.

O comerciante da antiga feira do rolo, Zenildo Silva dos Santos, conhecido como Galego, de 38 anos, trabalha na feira há 15 anos. Contou para os presentes sobre a experiência que teve no novo espaço. “Trabalhei um único domingo e vendi muito, superou minhas expectativas. O projeto é ótimo e vai muito longe”, completou Galego.

Na reunião, que contou com diversos comerciantes do Centro Comercial, ainda foi conversado sobre o boato do espaço mudar de local. Ademar garantiu que na gestão dele isso não vai acontecer, e foi muito aplaudido pelos participantes.

Há 28 anos, Edson Luiz de Souza, de 43 anos, trabalha e tem um box no Centro Comercial. Ele parabenizou o prefeito por ter ido a feira e ter ouvido as pessoas. “Para mim, a administração séria trabalha dessa forma. Com o povo”, afirmou o comerciante que ainda sugeriu algumas ações.

O secretário de Ordem Pública e Sustentabilidade, Francisco Franco, falou da importância da reunião. “É uma oportunidade de colocar de frente os problemas para buscar uma solução. Este é um processo planejado, lento, mas que já está surtindo efeito. Estamos atentos às oportunidades de dar ascensão às pessoas que estão lá há muitos anos”, finalizou o secretário reafirmando a promoção social do projeto.

A planta foi aprovada e o prazo da obra será definido pela Seinfra (Secretaria da Infraestrutura) que vai executar a intervenção. Este é um trabalho de regularização das pessoas incluindo o tipo de produto que comercializam.

O prefeito ainda falou que esta é uma discussão sobre a mudança de um modelo de gestão e de transformação da feira. Um projeto de requalificação que conta com um terminal urbano na proximidade e ampliação do estacionamento, que será aprovado por consulta popular. Quando o crescimento acontece junto, melhoramos a vida de todos.

Presenças

Ainda estavam presentes a vice-prefeita Maria do Carmo Siqueira, o administrador da feira Antonio Lima, o chefe da Força Tarefa, Gutemberg Miranda, o ouvidor do Município, Temístocles Mattos e o presidente do SindFeira (Sindicato dos Feirantes de Camaçari), Romualdo Costa.

Fonte: Ascom PMC