Presidentes do Vitória e do Itabuna apresentam parceria: “Fortalecer o futebol baiano”

Vitória e Itabuna apresentaram na manhã desta quinta-feira (11) a parceria para a disputa da Série D do Brasileiro, junto com o Governo da Bahia. Terceiro colocado no Baianão de 2023, o Dragão do Sul conquistou a vaga para jogar a quarta divisão nacional, mas quase desistiu por conta das dificuldades financeiras. Com a união, o clube do interior utilizará o elenco sub-20 do Leão, que por sua vez montará um núcleo de divisão de base para atender a região do sul do estado.

“Essa parceria é muito importante para o Vitória. Vocês sabem que há muito tempo tentamos levar a marca do Vitória para o interior da Bahia e não é fácil se não tem apoio e nem estrutura. Isso não é simplesmente uma parceria que vai nos beneficiar sim. O Vitória vai botar o sub-20, vai reforçar o sub-20 para disputar a Série D, vai dar minutagem aos meninos. Estamos também atendendo ao pleito do Itabuna que estava sem condição de disputar a Série D. Essa parceria também se estende muito mais do que isso. Vamos ter o núcleo do Vitória em Itabuna numa área que já existe lá com dois campos de futebol, que vai servir para todo o sul da Bahia. Vamos criar nossa primeira sede no interior da Bahia. Vamos montar escolinha, fazer base em base com o Itabuna. Vai ser muito importante para a ideia de interiorizar a marca do Vitória”, afirmou o presidente Fabio Mota, do Rubro-Negro.

“O Itabuna vai disputar a Série D com o time sub-20 do Vitória reforçado com alguns atletas. Em breve vamos divulgar o elenco que disputará a Série D”, disse Rodrigo Xavier, mandatário do Dragão do Sul. “Nós temos um espaço que é nossa sede social com dois campos claro que precisa de uma revitalização. Dentro dessa parceria a gente forma um núcleo da base do Vitória na nossa cidade. Não tenho dúvida que a perspectiva futura dessa parceria é evoluir e tornar o Itabuna cada vez mais forte e também o Vitória. Estamos confiantes que vamos fazer uma bela disputa na Série D. Quem sabe não podemos estar na Série C no ano que vem?”, completou.

Já o Governo do Estado vai ceder o estádio de Pituaçu, localizado na capital baiana, para o Itabuna mandar seus jogos ao longo da Série D. Titular da Secretaria do Trabalho, Emprego, Renda e Esporte (Setre), Davidson Magalhães valorizou a parceria entre os dois clubes para fortalecer o futebol baiano.

“Nós temos um time do interior, por coincidência da minha cidade, que é o Itabuna e que não tinha condições materiais. Sabemos das dificuldades financeiras dos clubes, especialmente do interior, e não tinha como disputar a Série D. Aí veio essa parceria com o Vitória que acho muito importante. Que outras parcerias desse tipo surjam para fortalecer ainda mais os clubes do interior do nosso estado. Nós entramos nessa parceria exatamente com a concessão do estádio de Pituaçu, que é público e não é uma concessão como é o caso da Fonte Nova. Pituaçu serve exatamente para fortalecer o esporte baiano”, comentou.

Com 64 times, a Série D 2024 está prevista para começar no próximo dia 28. A Confederação Brasileira de Futebol (CBF) ainda vai divulgar a tabela detalhada da competição. Integrante do Grupo A6, o Itabuna vai estrear contra o Real Noroeste Capixaba-ES. A chave ainda conta com os cariocas Audax, Nova Iguaçu e Portuguesa, os mineiros Democrata e Ipatinga, e o também capixaba Serra.

Bahia Notícias

 

Foto: Victor Ferreira / ECV